Tommy Hyland

Tommy Hyland

A história de Tommy Hyland começou nas ruas de Nova Jersey há algumas décadas. Tommy era um ávido apostador desde a adolescência. Ele e os amigos costumavam atiravam moedas contra uma parede e aquele que chegasse o mais próxima dela, ficava com as moedas. Estes hábitos, junto com seu conhecimento em jogos de cartas em eventos esportivos, o tornariam um dos maiores apostadores de todos os tempo, algo que os cassinos não estavam preparados.

Graduado em ciência política, ele desistiu de seguir a carreira original para devotar-se ao aprendizado do blackjack e dos métodos de contagem de cartas. Ele estudou e pesquisou tudo o que pode sobre o tema em sua livraria local. Após ler a obra “Playing Blackjack as a Business”, de Lawrence Revere, em 1979, decidiu profissionalizar-se no jogo de pôquer.

Nessa época, ele e outros três jogadores formariam a primeira equipe de pôquer até então. Com um saldo total de $16.000 e bastante conhecimento em mente, a equipe se saiu bem nos cassinos de Atlantic City. Em apenas alguns meses , a equipe havia triplicado o bankroll em $50.000.

Durante sua estada lucrativa em Atlantic City, Tommy Hyland e sua equipe começaram a ler outras publicações famosas blackjack de outros autores, principalmente Stanford Wong e Ken Uston, que escreveu um dos melhores guias do jogo de blackjack, Million Dollar Blackjack. O livro de Uston, que enfatizava o jogo em equipe, motivou Hyland e sua equipe a se mudar de Atlantic City para fazer sua fortuna em Las Vegas, Nevada.

Antes de ir para Las Vegas, no entanto, a equipe deve de ser reformulada depois que alguns de seus membros desistiram para se aventurar nos cassinos da Ásia. Portanto, como outro chefe de equipe em uma situação de crise, ele recrutou novos jogadores. Tommy Hyland começou a ensinar suas técnicas de contagem de cartas aos amigos de um campo de golfe local e, no intervalo de alguns meses, já tinha uma equipe com 20 jogadores.

Munidos de estratégias como seqüenciamento de ases e contagem no embaralhamento, a equipe disponha de pequenas calculadoras que lhes devam mais vantagem sobre a casa. As táticas de Tommy Hyland foram utilizadas exaustivamente nos cassinos de Las Vegas durante anos e, aliadas ao conhecimento sobre pôquer, conseguiram ganhar milhões de dólares. No entanto, à medida que sua conta bancária aumentava e seus métodos perdiam força, a tecnologia de segurança dos cassinos começavam a evoluir. É um fato sabido de que Hyland e sua equipe eram constantemente banidos, presos ou detidos em muitos dos mais famosos estabelecimentos dos Estados Unidos, principalmente em Las Vegas.

Os donos de cassinos resolveram desenvolver defesas para evitar esse tipo de estratégia, e muitas táticas da equipe estavam se tornando obsoletas com o tempo. Os membros da equipe de Hyland foram presos em um cassino de Windsor, Canadá, em 1994, depois que foram descobertos utilizando o sistema de seqüenciamento de ases. Representantes de três cassinos de Las Vegas convenceram as autoridades canadenses a abrir processo judicial contra os membros. Os juízes, no entanto, consideraram que as táticas não eram uma forma de trapaça, mas o uso inteligente de estratégia e matemática. Caso a decisão do tribunal fosse contrária, isso abriria um precedente legal para todos os jogadores blackjack, que seriam processados se fosse apanhados “trapaceando” a casa.

A lenda de Tommy Hyland e sua famosa equipe blackjack é conhecida até os dias de hoje. Ele e sua equipe continuam a jogar em cassinos de todo o país, pelo menos naqueles onde não foram banidos. Tommy Hyland também é um grande defensor dos direitos dos jogadores de pôquer, atuando tanto como ativista ou como lobista em nome de sua comunidade.

US – Ignition